Home > Saúde > 466 policiais civis se recusaram a se vacinar contra a Covid-19 no estado de SP

466 policiais civis se recusaram a se vacinar contra a Covid-19 no estado de SP

///
Comentários desabilitados

A Delegacia Geral de Polícia Adjunta (DGPAD) informou à Fiquem Sabendo, por meio de um pedido de LAI (785132115096), que 466 policiais civis não quiseram tomar a vacina contra a Covid-19. O órgão encaminhou uma planilha segmentada por Departamento da Polícia Civil, contendo também o número de vacinados e a quantidade de faltas no dia da vacinação – mas sem especificar os cargos dos servidores. Acesse aqui a tabela.   

O mesmo pedido foi feito para a Polícia Militar, que negou acesso sob a justificativa de  que a campanha de vacinação segue em andamento para profissionais da segurança pública. Com isso, policiais que não se vacinaram na 1ª fase podem se vacinar agora. Dessa maneira, segundo a PM, qualquer informação disponibilizada neste momento poderia distorcer o “real cenário de vacinação”. Acesse aqui a justificativa completa.

________________________________________

Este conteúdo saiu primeiro na edição #62 da newsletter da Fiquem Sabendo, a Don’t LAI to me. A newsletter é gratuita e enviada quinzenalmente, às segundas-feiras. Clique aqui e inscreva-se para receber nossas descobertas em primeira mão também.