Home > Gastos Públicos > CGU aponta “falhas graves” em parcerias firmadas pela Secretaria Nacional da Juventude

CGU aponta “falhas graves” em parcerias firmadas pela Secretaria Nacional da Juventude

///
Comentários desabilitados

Motivada por uma matéria publicada pela Revista Crusoé em 2018 e a pedido do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos (MMFDH), a Controladoria-Geral da União (CGU) apurou denúncia de possíveis irregularidades na execução de três parcerias firmadas pela Secretaria Nacional da Juventude (SNJ).

No relatório final, a CGU identificou falhas na contratação de pessoas e no acompanhamento dos projetos analisados. O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos afirmou que, como medida preventiva, recomendou à secretaria a suspensão da transferência de recursos.

Acesse aqui o relatório completo com a investigação feita pela CGU. Se preferir, acesse aqui o arquivo no site oficial.

________________________________________

Este conteúdo saiu primeiro na edição #58 da newsletter da Fiquem Sabendo, a Don’t LAI to me. A newsletter é gratuita e enviada quinzenalmente, às segundas-feiras. Clique aqui e inscreva-se para receber nossas descobertas em primeira mão também.