Home > Gastos Públicos > Bolsonaro gastou R$ 10 mil por dia em viagens para inaugurar obras durante dois meses da pandemia

Bolsonaro gastou R$ 10 mil por dia em viagens para inaugurar obras durante dois meses da pandemia

A equipe de Jair Bolsonaro gastou R$ 657.402,66 para cumprir agenda de viagens nacionais em dois meses durante a pandemia – entre junho e agosto. Os dados foram enviados pela Secretaria-Geral da Presidência da República para a agência Fiquem Sabendo por meio da Lei de Acesso à Informação.

Reportagem em parceria com o Yahoo Brasil, acesse aqui.

Segundo informou a secretaria, os gastos referem-se “principalmente, a diárias, hospedagem e alimentação do Escalão Avançado, grupo de servidores de apoio que precede a chegada do Presidente da República ao local da visita. Tais viagens foram para cumprimento de agenda do Senhor Presidente da República”.

Foram realizadas 13 viagens, passando por estados do Sul, Sudeste, Norte e Nordeste, em um período que compreende o início de junho ao início de agosto. A maioria delas faz parte de uma agenda intensa do Executivo para inaugurar obras e se aproximar de eleitores, como forma de recuperar popularidade antes das eleições de 2022. O Nordeste, destino de quatro dessas viagens, registrou uma queda de 17 pontos percentuais no índice de rejeição ao presidente, segundo pesquisa do Datafolha.

Em junho, Bolsonaro viajou para inauguar o Eixo Norte da transposição do Rio São Francisco – a ida do presidente gerou polêmica nas redes sociais. Bolsonaro passou ainda por Missão Velha (CE) para sobrevoar trecho da ferrovia Transnordestina. No total, a viagem custou R$ 109 mil. Dois meses depois, uma tubulação da barragem de Jati, parte do trecho inaugurado pelo presidente, rompeu, e duas mil pessoas tiveram que deixar suas casas às pressas.

Em mais uma viagem para inaugurar outro trecho da integração do Rio São Francisco, Bolsonaro chegou a dizer que “quando chega a água, ele parece que ganhou na mega-sena”, referindo-se aos nordestinos.

Quer continuar lendo? Acesse aqui a reportagem completa no Yahoo Brasil.

Você também poderá gostar
Repórter da ProPublica fala sobre acesso a e-mails de políticos e servidores
Governo Bolsonaro tem R$ 5,6 bilhões para levar Internet à periferia, mas não investe
Repórter da ProPublica fala sobre acesso a e-mails de políticos e servidores
Com Bolsonaro no poder, Marinha gastou mais de R$ 1,1 milhão apenas em medalhas
Jornalismo de dados “raiz” | Entrevista com Lúcio Vaz
Jornalismo de dados “raiz” | Entrevista com Lúcio Vaz
Viagens de ministros já custaram quase R$ 11 milhões no governo Bolsonaro; veja quem são o mais ‘gastões’