Home > Mobilidade Urbana > CET guincha 1 carro a cada 16 minutos em São Paulo

CET guincha 1 carro a cada 16 minutos em São Paulo

///
Comentários desabilitados
Número de veículos guinchados pela CET quadruplica em dois anos

Carro é guinchado na avenida Santa Marina, Água Branca, zona oeste de São Paulo. Foto: Léo Arcoverde/Fiquem Sabendo

A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) de São Paulo guinchou 2.701 veículos de locais onde é proibido estacionar em agosto deste ano em toda a capital paulista. Isso representa uma média de um guinchamento a cada 16 minutos.

É o que aponta levantamento inédito feito pelo Fiquem Sabendo com base em dados da CET obtidos por meio da Lei de Acesso à Informação.

De acordo com as informações disponibilizadas pela gestão do prefeito Fernando Haddad (PT), agosto registrou o quarto mês consecutivo em que a quantidade de carros e motocicletas levados aos pátios da companhia ultrapassou a marca de 2.000 veículos.

De 2009 para cá, isso só havia ocorrido em três meses, no ano passado: agosto, setembro e outubro.

Durante a última gestão Gilberto Kassab (2009-2012), a CET guinchava em média cerca de 450 veículos por mês.

A disparada dos guinchamentos se deu sobretudo a partir do fim de 2014, quando a CET começou a guinchar não apenas carros, mas também motocicletas.

Só a taxa de remoção de veículo do pátio custa R$ 576

Dói no bolso liberar o veículo depois que ele é guinchado pela CET.

Segundo a Companhia, antes de retirar o carro no pátio da empresa, é preciso pagar todas as multas pendentes e o IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores).

É necessário também pagar a taxa de remoção de veículos por infração de trânsito. O valor cobrado por carro é de R$ 576.

Há ainda a diária de R$ 46 por estadia do veículo no pátio municipal.

O que diz a CET?

“O aumento da quantidade de remoções de veículos nos primeiros meses de 2016 tem relação direta com o desrespeito dos condutores às leis de trânsito, a partir dos enquadramentos previstos no Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

De acordo com o Painel Mobilidade Segura, a quantidade de infrações por  estacionamento irregular passou de 990 mil em 2013 para 1,4 milhão em 2015. De janeiro a junho/2016 foram registradas 500 mil multas.

Para garantir a fluidez e segurança no viário municipal, a CET ampliou a fiscalização com agentes de campo por meio de rotas operacionais em todas as regiões da cidade. Os canais de comunicação direto da Companhia (site/telefone 1188/redes sociais) também estão permanentemente à disposição dos cidadãos para denúncias de irregularidades verificadas no trânsito.”

Você também poderá gostar
Ministro pede revisão de norma que tira responsabilidade do TCU de receber denúncias sobre transparência
Com florestas em chamas, governo Bolsonaro investiu 24% a menos no combate ao fogo em setembro
25 anos de atraso: os pedidos de acesso dos Estados Unidos sem solução
Estratégias e táticas para acessar informações públicas em 5 lições
Documentos da CIA revelam que agência monitorava atividades do Partido Comunista do Brasil
5 anos após tragédia em Mariana, ANM aplicou 40% do dinheiro para fiscalizar barragens