Home > Meio Ambiente > Com florestas em chamas, governo Bolsonaro investiu 24% a menos no combate ao fogo em setembro

Com florestas em chamas, governo Bolsonaro investiu 24% a menos no combate ao fogo em setembro

O dinheiro aplicado pelo governo federal no combate ao fogo em áreas florestais no mês de setembro deste ano ficou R$ 1 milhão abaixo do investido no mesmo mês do ano passado, uma queda de 24%.

Reportagem em parceria com o Yahoo Brasil, acesse aqui.

Enquanto isso, no mesmo período, os incêndios florestais no Pantanal triplicaram e aumentaram em 61% na Amazônia, segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Para completar, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais (Ibama) determinou a interrupção dos trabalhos das brigadas de incêndio na região nesta quinta-feira (22) por “indisponibilidade financeira”.

Os dados apurados pela agência Fiquem Sabendo a partir de relatórios orçamentários do Ibama disponíveis no Portal da Transparência mostram que, no conjunto dos meses de julho, agosto e setembro deste ano, quando se intensificaram os focos de calor no Pantanal, o total aplicado em prevenção e combate a incêndios em áreas florestais prioritárias foi 18% menor do que no mesmo período do ano passado.

Foram R$ 9 milhões, contra R$ 11 milhões no ano anterior. A redução foi mais significativa em setembro, quando o investimento caiu de R$ 4,5 milhões no ano passado para R$ 3,4 milhões este ano.

Reportagem em parceria com o Yahoo Brasil, acesse aqui.

Você também poderá gostar
Governo Bolsonaro estima arrecadar R$ 120 milhões por ano com florestas públicas concedidas à iniciativa privada