Home > Meio Ambiente > Cresce geração de energia solar no país; veja como acessar dados de produção no seu Estado

Cresce geração de energia solar no país; veja como acessar dados de produção no seu Estado

///
Comentários desabilitados

Segundo dados do Sistema de Informações Energéticas do Ministério de Minas e Energia (SIE Brasil),  a geração de energia elétrica por meio do sol foi a que mais cresceu nos últimos 5 anos. Em 2016, foram gerados 85,26 GWh de energia. Já em 2020, a marca chegou em 10.749,81 GWh. A série histórica mostra que a geração de energia por meio de ventos cresceu 70% no mesmo período – de 33.488,87 em 2016 para 57.050,71 GWh em 2020.

Minas Gerais, Bahia, São Paulo e Piauí são, juntos, responsáveis pela geração de 62% de toda a energia solar do país. Esses estados, entretanto, não foram os que mais tiveram aumento na geração de energia em usinas solares nos últimos 5 anos. Os estados que mais cresceram nessa categoria foram: Paraíba, Pará, Acre, Bahia e Sergipe. 

Veja aqui os dados tabulados pela Fiquem Sabendo.

O SIE Brasil é uma ferramenta que tem como objetivo divulgar o processo de gestão e transparência de informações energéticas do País. Confira o tutorial para encontrar informações diretamente no site:

  1. Entre no site do Ministério de Minas e Energia
  2. Menu > Acesso à Informação > Dados Abertos
  3. No fim da tela, opte por ‘Informações Energéticas do Brasil’
  4. Aperte em ‘Acesse o SIE Brasil’
  5. No portal do SIE Brasil, opte por ‘Estados’
  6. Na aba ‘Estados’, do lado esquerdo, clique em ‘Oferta e Demanda de Energia’ e depois em ‘Produção de Energia’
  7. A primeira base que vai abrir possui dados de 2020. Para acessar a série histórica ou informações de um único estado, basta fazer filtros no lado esquerdo da tela

Fiscalize o poder público com a Fiquem Sabendo. Acesse aqui a nossa campanha de financiamento

______________________________________________________

Se usar as informações, dê o crédito!

ATENÇÃO: Todo o material publicado gratuitamente no nosso site ou nesta newsletter Don’t LAI to me pode, e deve, ser compartilhado! Usamos a licença “Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0)”, que permite a republicação/adaptação, inclusive para fins comerciais, nas seguintes condições:

-Todas as republicações ou reportagens feitas a partir de dados/documentos liberados pela nossa equipe devem trazer o nome da Fiquem Sabendo, com crédito para: “Fiquem Sabendo, agência de dados especializada no acesso a informações públicas”;

-Incluir link para a publicação original da agência (no site ou na newsletter);

-As postagens nas redes sociais sobre as reportagens com dados obtidos pela nossa equipe devem conter menção aos perfis da agência: Twitter, Instagram, Facebook ou Linkedin.

______________________________________________________

Este conteúdo saiu primeiro na edição #68 da newsletter da Fiquem Sabendo, a Don’t LAI to me. A newsletter é gratuita e enviada quinzenalmente, às segundas-feiras. Clique aqui e inscreva-se para receber nossas descobertas em primeira mão também.